.

RG da POESIA

.

_|) () (- .\' | /.\

\/ | .\' |_| /.\ |_


sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

poema sustentável




7 comentários:

tonhOliveira disse...



Devemos ver!

Abraços!

Moacy Cirne disse...

Ótimos,
os poemas mais recentes
aqui publicados.

Um abraço.

Carmem Salazar disse...

ver
de
ver
vermelho

Cosmunicando disse...

a idéia da sustentabilidade ficou bárbara, Al... voltar ao começo no final do poema é uma super metáfora daquele lance "do berço ao túmulo", sobre o ciclo de todas as coisas.

abração

Fabio Rocha disse...

Muito legal. Certa vez gamei numa loira de olhos verdes, mas minha poseia recém nascida não saiu da patanheira do título: "Ver-te verde" :) Abração

AL-Chaer disse...

"Mê",

e-xa-ta-men-te isso !!!

---------------

TonhOliveira,

é nosso dever...ainda dá tempo...por enquanto...

---------------

Carmem,

...e um ALerta em amarelo.

---------------

AL-Braços ALs três
AL-Chaer

myra disse...

oi, meu amigo, meu computer estev no "hospital" por uma semana, agora estamos outra vez aqui, e para te dar os parabens!
"Verde que te quiero verde..." de um poema de Garcia Lorca...
lindo este dele e esta imagem tua e as outras que nao tinha visto tambem, beijos amigo meu,